Registar

Uma senha ser-lhe-á enviada por correio electrónico.

SUPERLIGA FUTEBOL 7 ALGARVE

Uma jornada marcada pelo equilíbrio na Série de Quarteira, houve 2 empates em 3 jogos! O Scp Núcleo Loulé impôs um empate aos sempre favoritos 8125. O Albufeira 2016 ganhou aos Reformados FC e isolou-se ainda mais na liderança da série. Em Faro, o NDR Livramento conseguiu os seus primeiros pontos na competição, e logo com uma bela exibição! O TriLution a subir de rendimento impôs a primeira derrota ao Snack Bar Ods.

8125 vs Scp Núcleo Loulé – No primeiro jogo da noite, tínhamos senão o melhor, um dos melhores duelos na SuperLiga Algarve nos últimos tempos. Os sempre favoritos 8125 contra o Scp Núcleo Loulé, estes últimos uma equipa cheia de antigos jogadores da bola, entre eles David Hopffer, mais conhecido por Cannigia no mundo do futebol. Com mais experiência neste formato de futebol 7, o 8125 começou melhor que o seu adversário, tentando desde cedo resolver o jogo, sabendo que do outro lado não estavam propriamente meninos habituados a derrotas. (3-1) resultado ao intervalo. Na segunda parte tivemos uma história diferente, e o Scp foi para cima do 8125, não tinham nada a perder, perdido por um, perdido por mil. Sem a forma física de outros tempos, era através do excelente toque de bola e experiência que o Scp conseguia sobrepor o seu jogo. Conseguiram reduzir para o (4-3), e nos instantes finais através do seu capitão Óscar Morais conseguem mesmo o empate através de uma bola parada. Agostinho Santos estava incrédulo com o seu 8125. Resultado final (4-4). Notas de destaque do 8125 para Yanne Fortes, avançado vindo do antigo MiliTextil, causou impacto desde cedo, marcando dois importantes golos para a sua equipa. Do lado Scp, Óscar Morais mostrou-se uma vez mais decisivo, o capitão sempre saído do banco está-se a mostrar um jogador importante nas decisões.

NDR. Livramento vs BombSquad – Num jogo de sentido único praticamente de início a fim, o Livramento conseguiu desde cedo definir a história deste jogo. Apesar de um empate inicial a uma bola, o Livramento conseguiu mesmo ir para intervalo com uma diferença de (5-3). Na segunda parte e com menos opções no banco que os comandados do Mister Rui José, Carlos Pereira não tinha como tentar dar a volta aos acontecimentos e o resultado só poderia se avolumar. Resultado final (12-5). Notas de destaque no Livramento para os jogadores Vlad e Luís Serro, ambos esquerdinos, mostraram uma excelente técnica individual e sempre que tinham bola aceleravam o jogo da sua equipa, bela exibição de ambos! No lado do BombSquad Tiago Rocha começa a chamar a atenção, veia inquestionável para o golo, foi o jogador mais da equipa.

Os Tubarões vs Most Dope – Duas equipas à procura dos seus primeiros pontos na competição, tanto uma como outra, tinham provavelmente aqui uma boa oportunidade para tal. No entanto e apesar de terem um jogo mais interligado entre si, o Most Dope, o valor das duas equipas era muito semelhante e prova disso foi mesmo o resultado final de (5-5). Ambas somaram assim os seus primeiros pontos na competição. Notas de destaque dos Tubarões para Milton Cruz, depois de um processo de adaptação inicial algo difícil, o jogador está a dar sinais de crescimento, prova disso os dois golos importantes neste encontro. Do lado do Most Dope, Rodrigo Faria voltou a fazer uma exibição muito competente e Rúben também mostrou muita qualidade na hora da finalização.

Hubel vs Idfg-AllFruit – Num jogo que era aguardado com alguma expectativa, tendo em conta principalmente a história que liga estas duas equipas. Lembrando, que o ano passado o Hubel com a vitória sobre este Idfg-AllFruit deixou os mesmos arredados da sempre apetecível Divisão de Elite. Os comandados de Eduardo e Hugo não se esqueceram e desde cedo quiseram escrever uma história diferente da última. O Hubel apresentando-se a este jogo com algumas baixas importantes, como Mota, central de referência da equipa que está suspenso, teve uma noite complicada. O Idfg impôs o seu jogo como de costume, bola pelo chão e sobreposições constantes dos seus jogadores. O Hubel tentava sair por Luís Cavaco ou João Viriato, mas muitas vezes sem êxito. Resultado final (5-12) para o Idfg-AllFruit. Notas de destaque para Luís Silva e Abreu do Idfg, ambos em boa forma. Do Hubel, Joel António merece destaque, apesar da pouca bola que teve, soube sempre aproveitar o que lhe “restava”, mostrando sempre muita coerência na decisão, 2 golos marcados.

Reformados F.C. vs Albufeira 2016 – Duas velhas conhecidas, lembramos que o último encontro entre estas duas equipas foi a final da Taça da APMiniFootball, onde o Albufeira levou a melhor sobre os seus rivais. Será que hoje teríamos uma história diferente? Os Reformados parece que sentiram algumas dificuldades para escalar o seu melhor 7 para este encontro, Nuno, Joni ou Júnior foram algumas baixas importantes. Já o Albufeira conseguiu colocar a carne toda no assador como de costume. Realçamos este ponto nesta equipa do Albufeira, em Quarteira, é sem sombra de dúvidas a equipa mais estabilizada de momento, tendo sempre um núcleo de 10/11 jogadores para os jogos e todos muito competentes. O jogo foi equilibrado entre os comandados de Alex Silva e Hélder Gomes, via-se que era um jogo que ia ser decidido nos detalhes. Resultado final (3-5) para o Albufeira. Notas de destaque nos Reformados para Hélder Gomes e Fernando, ambos rubricaram uma bela exibição. Ficamos com a sensação clara que com mais algumas peças, os Reformados poderiam ter conseguido outro resultado hoje. Do lado do Albufeira, Mestre voltou a ser fundamental na construção da equipa, Medeiro na baliza também esteve seguro.

TriLution vs Snack Bar ODS – Naquele que foi o último jogo da jornada, tivemos um excelente duelo entre duas excelentes equipas. O TriLution começou melhor que o adversário, dominando a posse de bola e chegando assim ao golo rapidamente por duas ocasiões logo nos 5 minutos iniciais. O Snack Bar Ods estabilizou e com algumas mudanças tácticas equilibrou claramente o encontro. Ao minuto 16, saído do banco, David Nora reduz para a equipa de Pedro Moreno. Na segunda parte tivemos exactamente o oposto da primeira, o Snack Bar estava melhor nesta fase. O golo fez a equipa acreditar que se podiam bater com os atuais campeões. E era o empate, David Nora novamente! Suplente de luxo este jogador. No entanto ao TriLution só a vitória interessava neste encontro, já o Snack Bar parecia contente com o empate, e foi provavelmente neste ponto que os homens de Pedro Moreno perderam o encontro, o TriLution queria mais. Já nos instantes finais e depois de uma jogada de insistência, o TriLution conseguiu ter a calma necessária para os seus homens na frente combinarem e meterem a bola redondinha para Weder Santos, com uma bela colocação, dar a vitória à sua equipa! Resultado final (3-2). Notas de destaque para Weder pelo TriLution, esteve sempre muito concentrado. Do lado do Snack, David Nora mostra ser um reforço de peso para a equipa. De realçar a evolução que esta equipa está a ter, depois de alguns momentos algo conturbados na última época, Pedro Moreno parece ter encontrado o caminho, e num curto prazo esta equipa poderá fazer algo para recordar.

Domingo, 9 de Abril de 2017

Série Quarteira:

19h00    8125                          4 – 4      Scp Núcleo Loulé          SuperLiga – 3ª Jornada

20h00   Os Tubarões             5 – 5     Most Dope                       SuperLiga – 3ª Jornada

21h00    Reformados F.C.     3 – 5      Albufeira 2016                  SuperLiga – 3ª Jornada

Série Faro:

19h30     NDR. Livramento    12 – 5    BombSquad                  SuperLiga – 3ª Jornada

20h30     Hubel                    5 – 12    Idfg-AllFruit                    SuperLiga – 3ª Jornada

21h30     TriLution                 3 – 2      Snack Bar Ods              SuperLiga – 3ª Jornada

Artigos relacionados